Altos índices

Especialista em segurança do trabalho realiza palestra na FEAAC

Engenheiro Jacques Sherique fará abordagem sobre os riscos existentes nos ambientes de trabalho

 

Com o alto índice de doenças e acidentes causados pelas péssimas condições de trabalho oferecidas aos empregados do setor de serviço, os dirigentes dos SEAACs e da FEAAC vêm estudando maneiras de como agir para melhorar a área de saúde e segurança do trabalhador. E, pela segunda vez na FEAAC, o engenheiro mecânico e de segurança do trabalho Jaques Sherique ministrará palestra aos dirigentes sindicais sobre os problemas e as soluções para prevenir possíveis riscos aos trabalhadores. 

 

“Farei uma abordagem sobre os principais riscos dos postos de trabalhado, focando ambiente, tipo de mobiliário e ritmo de trabalho (jornada). Destacarei como estes itens podem se tornar os vilões para a saúde e segurança do trabalhador”, explicou Sherique. O especialista disse ainda que também destacará os perigos que a pressão por produção pode causar aos empregados.

 

Além desta abordagem técnica, o engenheiro apresentará aos dirigentes participantes ferramentas de como identificar e intervir nestes riscos. “Durante a palestra irei fornecer a implantação de um programa com modelos de laudos, análises e check list para que os dirigentes possam mapear possíveis riscos e atuar de forma ‘prevencionista’ (SIC).” Sherique também fará explanação sobre as normas e legislações que regem este tema trabalhista.

 

O presidente da FEAAC, Lourival Figueiredo Melo, destacou a importância da palestra para que os Sindicatos possam buscar melhoria da qualidade da saúde e de vida do trabalhador. “Muitas vezes ficamos focados no reajuste salarial e benefícios. A saúde e a segurança do trabalhador também devem ser prioridades na mesa de negociações. Precisamos agir e cabe a cada sindicato trabalhar para prevenir estes riscos”, disse o presidente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.