MST lança campanha ‘Natal sem Fome’ e pede adesões para entregar cestas básicas

Campanha destinada a famílias em extrema pobreza distribui alimentos produzidos nos assentamentos do MST – Reprodução MST

produtos do mst
Produtos dos assentamentos do MST vão compor as cestas básicas da campanha deste fim de ano –

chef Bela Gil, o teólogo Leonardo Boff e o economista Eduardo Moreira, entre outros nomes, participam do lançamento da campanha “Natal sem Fome”, de doação de cestas de alimentos produzidos pelo Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST). A ação é voltada para famílias em situação de extrema pobreza.

Com itens produzidos em assentamentos, as cestas terão produtos em quantidade necessária para o consumo de uma família de quatro pessoas por um mês. Elas serão distribuídas em dezembro nas periferias de cidades de diversos estados, como São Paulo, Rio de Janeiro e Paraná. Em Mato Grosso do Sul, a campanha vai atender comunidades indígenas pobres.

“A prioridade é atender pessoas em situação de rua, cozinhas comunitárias nas periferias, ocupações urbanas de famílias desempregadas e comunidades indígenas. Quem quiser ajudar, pode contribuir com R$ 300 para doar uma cesta. Os movimentos populares vão garantir o trabalho de transporte e distribuição às comunidades”, disse João Pedro Stédile, da coordenação nacional do MST.

Também participam da campanha o empresário Leandro Almeida, o ativista e agente do mercado financeiro João Pacífico, a educadora Marcia Miranda e a juíza aposentada Kenarik Boujikian. A apresentadora Xuxa Meneghel e o influenciador digital Felipe Neto vão contribuir na divulgação.

Durante a pandemia, as ações de solidariedade do MST contabilizaram a doação de mais de 5 mil toneladas de alimentos e cerca de 1 milhão de marmitas nas periferias urbanas e rurais pelo país desde abril de 2020.

Para doar, basta enviar a contribuição para:

Caixa Econômica
AG. 1231
CC. 2260-1
CNPJ. 11.586.301/0001-65
PIX. campanha@institutocultivar.org.br

Confira a carta de lançamento da campanha

Fonte: Rede Brasil Atual

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.