Covid e problemas respiratórios nas empresas já são maior causa de afastamento

A ômicron, ao que tudo indica, já é a maior razão para afastamento profissional no Brasil hoje. Dados preliminares compilados pela Closecare apontam que atestados médicos relacionados a Covid e problemas respiratórios encerrarão janeiro representando 51% do total. Em dezembro, no pico registrado até agora, eles eram 39,1%.

A epidemia de gripe, cujos sintomas são semelhantes aos da Covid e que atinge algumas cidades do país, também deve ter contribuído para a escalada de casos.

A Closecare, start-up que faz gestão de atestados médicos para empresas, estima que os empresários receberão 18 milhões de atestados em janeiro, o dobro do volume de dezembro. O custo desse absenteísmo no mês deve ficar perto de R$ 12 bilhões.

Com o salto no número de casos, regiões com grande disseminação da doença devem registrar até metade dos profissionais com pelo menos um atestado no mês. Historicamente, 1 a cada 4 funcionários (25%) entrega ao menos um atestado por mês.

Fonte: O Globo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.