Jonas Donizette recua e população de Campinas não está obrigada a usar máscaras

Após ter anunciado na semana passada que a população de Campinas estaria obrigada a usar máscaras durante a quarentena, o prefeito de Campinas, Jonas Donizette (PSB) recuou e publicou decreto apenas recomendando o uso de máscara para os clientes de estabelecimentos essenciais que estão abertos nesse período.

(foto rovena rosa – ag brasil)

Além de prorrogar a quarentena até o dia 10 de maio, conforme fez o governo do estado de São Paulo, o decreto 20.840 publicado nesta quarta-feira, 22, alterou o decreto anterior que obrigava o uso de máscaras. “Art. 3º O inciso III, do art. 1º do DECRETO Nº 20.807, DE 14 DE ABRIL DE
2020, passa a ter a seguinte redação: “recomendar o uso de máscaras de proteção aos clientes”, anota o Diário Oficial do município.

A cidade de Campinas tem 8 óbitos, 177 casos confirmados e quase mil casos em investigação, aguardando o resultado do teste.

Fonte: Carta Campinas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.